Pesquisar este blog

sexta-feira, 6 de março de 2015

EDUCAÇÃO CRISTÃ FAMILIAR: ASPECTOS, INFLUÊNCIA E IMPACTOS NO CONTEXTO FINANCEIRO SOCIAL.

O objeto específico deste post é a educação cristã no interior das famílias voltadas para a administração das finanças pessoais, os impactos sociais, as influências e as contribuições no contexto financeiro.  “As condições da sociedade não são senão um reflexo das condições dos lares em nosso país.(...) as alterações que ocorrem em nossos lares serão espelhadas numa sociedade em transformação.” ( White, Ellen G., 1983 pág. 7)
A educação religiosa no interior das famílias emerge para o espaço público social, e desta forma, seus aspectos integram o comportamento geral da sociedade brasileira.
Propõe-se então, a discorrer sobre os valores incutidos por essa educação, intrínsecas no meio familiar, sobretudo o modelo de doutrina acerca da administração financeira dos recursos pessoais, traçando assim suas influências e seus reflexos sociológicos. Apesar de o Brasil apresentar uma ampla diversidade religiosa, este texto vai se restringir ao método de educação cristã, voltada para o Protestantismo.
Além de conceitos de justiça, paz, reconciliação, obediência, fidelidade, solidariedade, tolerância, amor e esperança que, indiscutivelmente, ao serem introduzidos nas sociedades produzem impactos positivos; o meio cristã introduz estudos específicos acerca de como lidar racionalmente com o dinheiro.
Neste contexto considera-se importante os levantamentos destes dados a uma análise crítica acerca dos movimentos da instrução religiosa sobre finanças domésticas, economia e integridade nos negócios realizados no interior da família.
Todos os dias surgem novos padrões comportamentais frente a movimentação das doutrinas evangélicas, por exemplo, o movimento sobre a Teologia da prosperidade, o que sem dúvida afeta a esfera social, exercendo sobre esta uma sutil transformação, o que vem influenciar e contribuir com o fortalecimento da economia brasileira.

O foco deste post está na intercessão entre educação cristã acerca de finanças e transformações sociais no cenário econômico, entendendo assim que o conhecimento religioso, sua produção, reprodução, transformação e transmissão oriunda do seio familiar eclodi na sociedade através do fenômeno da socialização, “a família não só interioriza aspectos ideológicos dominantes na sociedade, como projeta, ainda, em outros grupos os modelos de relação criados e recriados dentro do próprio grupo.” (Carvalho, 2000). Assim o é a educação cristã, da igreja para o lar, do lar para a sociedade, exercendo um forte impacto nas mudanças do ambiente social. Daí a importância do ensino baseado na Bíblia sobre como lidar racionalmente com suas finanças, é preciso entender que quem gasta mais do que ganha transgride o 10º mandamento.
JESUS E OS DEZ MANDAMENTOS 

1. O primeiro mandamento diz:
"não terá outros deuses diante de mim." Êxodo 20:3
O que Jesus disse: "Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás." Mateus 4:10

2. O segundo mandamento diz:
"Não farás para ti imagem esculpida, nem figura alguma do que há em cima no céu, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra." - Êxodo 20:4
O que Jesus disse:
"Ninguém pode servir a dois senhores" - Lucas 16:13

3. O terceiro mandamento diz: "Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão;" - Êxodo 20:7
O que Jesus disse:
"de maneira nenhuma jureis; nem pelo céu, porque é o trono de Deus;" - Mateus 5:34

4. O quarto mandamento diz:
"Lembra-te do dia do sábado, para o santificar." - Êxodo 20:8-10
O que Jesus disse:
"O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado. Pelo que o Filho do homem até do sábado é Senhor." - Marcos 2:27-28

5. O quinto mandamento diz:
"Honra a teu pai e a tua mãe" - Êxodo 20:12 
O que Jesus disse: 
"Quem ama o pai ou a mãe mais do que a mim não é digno de mim" - Mateus 10:37

6. O sexto mandamento diz:
"Não matarás" - Êxodo 20:13
O que Jesus disse:
"aquele que se encolerizar contra seu irmão, será réu de juízo" - Mateus 5:22

7. O sétimo mandamento diz:
"Não adulterarás" - Êxodo 20:14
O que Jesus disse:
"aquele que olhar para uma mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela." - Mateus 5:28

8. O oitavo mandamento diz:
"Não roubarás" - Êxodo 20:15
O que Jesus disse:
"e ao que quiser pleitear contigo, e tirar-te a túnica, larga-lhe também a capa;" - Mateus 5:40

9. O nono mandamento diz:
"Não dirás falso testemunho contra o teu próximo" - Êxodo 20:16
O que Jesus disse:
"Digo-vos, pois, que de toda palavra fútil que os homens disserem, hão de dar conta no dia do juízo." - Mateus 12:36

10. O décimo mandamento diz:
"Não cobiçarás..." - Êxodo 20:17
O que Jesus disse:
"Acautelai-vos e guardai-vos de toda espécie de cobiça; porque a vida do homem não consiste na abundância das coisas que possui." - Lucas 12:15. 

quinta-feira, 5 de março de 2015

O AMOR DE UMA FAMÍLIA UNIDA FUNDAMENTADA POR DEUS

Postamos fotos lindas, chiques, em festas, em comemorações, mas nem sempre testificamos os livramentos que Deus nos dá, sustenta na palma de suas mãos as nossas vidas.
A verdade é que a vontade de Deus é boa, perfeita e agradável em qualquer situação; Paulo disse em Filipenses 4.11:  "Não estou dizendo isso porque esteja necessitado, pois aprendi a adaptar-me a toda e qualquer circunstância. Sei o que é passar necessidade e sei o que é ter fartura. Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação, seja bem alimentado, seja com fome, tendo muito, ou passando necessidade." Tudo posso naquele que me fortalece.

Minha lista de blogs